Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Abrir este O que diz Molero, começar a ler e parar apenas no fim, parece-me ser esta a forma perfeita de conhecer este livro. Não posso dizer que tenha ficado surpreendido. Basta ler o que se diz desta obra e percebe-se que há aqui algo de extraordinário. A surpresa vem, afinal, da confirmação: este é um livro prodigioso, uma obra-prima da literatura portuguesa. Lê-se num ápice, de forma voraz, largando gargalhadas constantes. Há tanto Portugal neste livro, ou melhor, tanto ser português neste livro, que é quase impossível não vermos nestes personagens fragmentos dos nossos amigos, dos nossos familiares, dos nossos bairros.

A estrutura da obra provoca, inicialmente, estranheza. Mas é a partir daí que se desenvolve, a um ritmo frenético, um desfile insólito de situações e personagens. Tem-se a sensação de que nem se consegue absorver tamanha teia de acontecimentos. Por vezes, já não sabia a quem estava a acontecer o quê, mas nada disso interessava, só me apetecia continuar a devorar as páginas, por puro prazer. Um livro para quem não gosta de ler, pela divertimento que proporciona; um livro para quem gosta de ler pelo prazer que dá poder ver uma escrita tão virtuosa.


 

Autoria e outros dados (tags, etc)


 

Apesar de este ser um dos livros mais famosos de Hamsun, confesso que não fiquei particularmente impressionado. Não há muito que aconteça aqui, como também nada acontecia em Fome. No entanto, também não há aqui a viagem interior que tornava Fome tão interessante. Parece-me dispensável. Se bem que terei que espreitar uma nova tradução para ficar com a certeza. Esta que li parece-me demasiado distante da intenção do autor.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Janeiro 2009

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Tags

mais tags